Terapia Transpessoal

O que é terapia transpessoal?  Partindo do principio que o ser humano é muito mais que somente corpo e mente, podemos dizer que a terapia transpessoal é tudo que esta ao mesmo tempo entre, através e além do pessoal, do nosso ego. Os estados transpessoais da consciência são essenciais para o livre fluxo de energia do ser humano. O papel do terapeuta é o de ser um canal facilitador, um acompanhante, para que por meio de técnicas terapêuticas, o próprio cliente faça seu processo de auto-cura, encontrando seu caminho pessoal.
Dentro da terapia transpessoal  devemos fazer uso de vários estudos de tradições filosóficas e sagradas do oriente e do ocidente, psicologia, biologia e da física contemporânea.
Estas várias correntes unificadas, criam, orientam e determinam uma nova terminologia (TTS) terapia transpessoal sistêmica. Modifica na realidade clínica e relacional o uso de seis setores macro de intervenção terapêuticas, absolutamente, integrados e dinâmicos com base nas experiências, e conflitos do ser, bem como na sua localização, visando uma velocidade e eficiência máxima na busca da cura profunda nas dores da humanidade.
Então através destes seis setores macro associados ao tripé, localização, experiência e conflitos vamos ter:
- A experiência e conflitos da vida pós – parto;
- A experiência e conflitos da vida intra – uterina;
- A experiência e conflitos dos nossos antepassados parentais (vidas passadas biológicas);
- A experiência e conflitos da realidade de existência infinita, multidimensional e atemporal;
- A experiência e conflitos invasores energéticos;
- A experiência e conflitos de religião com o divino.
O pensamento sistêmico se deu no final da década de 1950 quando o mundo estava passando por uma verdadeira e transformadora mudança de atitude, de paradigmas.
O pensamento sistêmico advém da física quântica e que nas suas últimas forças contemporâneas passou a ser chamada de terapias humanistas ou transpessoais.
O conceito holístico e, transpessoal, gerou grande quantidade de ações das terapias alternativas, que acabaram por falar a mesma linguagem e agindo de forma coerente.
É importante salientar que os terapeutas transpessoais uniram os pensamentos dos terapeutas ocidentais com as práticas religiosas e espirituais do oriente como o budismo, o tibetanismo o sofismo entre outras; dando um grande destaque aos outros níveis de consciência que transcendem o ego, promovendo uma visão sistêmica do homem. O trabalho do terapeuta transpessoal e construído de maneira extremamente afetiva para a união da ciência, filosofia e espiritualidade, permitindo e ao mesmo tempo, convidando ao homem a ver e vivenciar todos esses aspectos que transcendem à sua identidade pessoal.
Devemos ter como missão a organização desta unificação numa metodologia de ação que mostre eficácia terapêutica e resultados aparentes, nítidos, profundos e rápidos.
A terapia transpessoal faz parte da terapia intensiva integral.
Transpessoal significa – Além da alma.
Nossa consciência sempre reconhece os antigos significados da alma.
A terapia transpessoal e uma abordagem bastante eficaz que consiste em um modelo de unificação do corpo físico, emocional, energético e espiritual baseado em um ser em toda plenitude de sua totalidade, orientando o indivíduo a inteireza de sua vida e, fundamentalmente, o autoconhecimento resgatando o potencial de felicidade e bem estar na vida.
Ao procurar investir no autoconhecimento, você é presenteado com uma grata sensação de autoconfiança que resgata a inteligência para fazer as mudanças necessárias em sua caminhada, sabedoria, um dos grandes ganhos quando nos trabalhamos, o poder de transmutação e o resgate sobre suas ações e escolhas durante sua ornada evolutiva.
A terapia transpessoal atua de acordo com a premissa de que, por meio da cura da mente, das emoções das atitudes e da consciência, os corpos físico, mental e energético serão curados.

 

EMERGÊNCIA ESPIRITUAL

Emergência vem do latim “emergere” que significa fazer subir à superfície, vir para fora.

Em seu livro “A tempestuosa busca do ser”, Stanislav Grof e sua esposa Cristina Grof relatam a emergência que eles passaram e por suas experiências puderam ajudar muitas pessoas que estavam nesse mesmo processo.

As emergências espirituais podem ser definidas como estágios críticos e experimentalmente difíceis de uma transformação psicológica profunda que envolve todo ser da pessoa. Tomam a forma de estados incomuns de consciência e envolvem emoções intensas, visões e outras alterações sensoriais, pensamentos incomuns, assim como várias manifestações físicas. Esses episódios que geralmente giram ao redor de assuntos espirituais, incluem sequencias de morte e renascimento psicológico, experiências que parecem memórias de vidas passadas, sensações de união com o universo encontro com diversos seres mitológicos e outras temáticas semelhantes.

O que desencadeia a emergência espiritual ou crise de transformação? Qualquer situação pode ser um gatilho nesse processo, mas as situações mais rotineiras são: esforços físicos e intelectuais extremos, insônia, principalmente nas mulheres, nascimento de um filho, um aborto espontâneo ou não, doença ou perda de um filho, fim de uma relação afetivo, divórcio, casamento, perda de um familiar ou um amigo muito próximo, perda dos pais, da esposa (o), falência financeira inesperada, perda de um cargo importante, muitos fracassos na vida, experiências com drogas. Essas situações são desencadeadoras e levam muitas pessoas a sofrimentos dolorosos profundos que a transformação passa a ser condição primordial em suas vidas. Necessitam encontrar algum equilíbrio em seus processos conscientes e inconscientes  que não estão conseguindo compreender e nesse momento surge um despertar espiritual, como uma luz que chega para iluminar a escuridão em que estavam, e podem novamente retornar a sua jornada

Uma vez que o processo de transformação começa, não parará até que tenha findado o seu caminho, ele é constante até que termine e pode levar alguns meses ou vários anos.

“O consciente é a antecâmara do inconsciente e posta-se entre este e a mente, a vida e o corpo consciente.”

 

“Se um caminho para o melhor, ele exige um olhar demorado sobre o pior.”

Thomaz Hardy